terça-feira, 16 de abril de 2013

7 x 25 Histórias da Liberdade

"7 x 25 Histórias da Liberdade" é um conjunto de contos cujas personagens principais, falando na primeira pessoa, são objetos carregados de simbologia  o semáforo que travou a revolução durante uns minutos, o lápis da censura que, de repente, se vê como um elemento criativo nas mãos de uma criança a G3, o portão da prisão de Caxias, o megafone...
Margarida Fonseca Santos, com estes textos simbólicos, oferece-nos uma visão subjetiva daquilo que se passou nas primeiras horas do dia 25 de abril de 1974, fazendo o contraste entre a opressão e a liberdade.

" Eu, o semáforo

(...)Quando, naquela madrugada, vi ao longe uma coluna militar, preparei-me para mudar os circuitos. Não é todos os dias que se facilita a vida aos nossos guardiões! A minha ideia era pôr-me verde o tempo que fosse preciso até passar o último tanque. Que honra, poder ser útil para estes digníssimos defensores da pátria.
Só então percebi o que se passava... Não eram guardiões! Eram soldados do contra, imaginem vocês! Falavam alegremente sobre tomar de assalto a cidade desprevenida, em conquistar a liberdade em elevar Portugal a um estado democrático. (...)"

Sem comentários:

Enviar um comentário