domingo, 27 de abril de 2014

Celebrando o 25 de Abril (com as crianças)

Já muito se disse sobre a importância do 25 de Abril de 1974 na história nacional. 
Não cabe a este blogue (re)contar a história do que foi a Ditadura em Portugal e os acontecimentos do dia em questão. 

 Como blogue dedicado, antes de mais, aos livros e às leituras, aqui deixamos uma lista de sugestões de leitura para os mais pequenos: 
 “História de uma flor” in “A velha do bosque”, de Matilde Rosa Araújo [Livros Horizonte, 1983] 
“O caso da Rua Jau”, de Mário Castrim [Campo das Letras, 1999] 
“Outras maneiras de contar a mesma história”, de Maria Manuela Cruzeiro e António José Monteiro [Editorial Notícias, 2000] 
“O soldado e o capitão, os cravos e o povão”, de Valdemar Cruz [Campo das Letras, 1998]
“Capitães de abril”, de José Jorge Letria [Âmbar, 1999] 
“Era uma vez um cravo”, de José Jorge Letria [Câmara Municipal de Lisboa, 1999] 
“O 25 de abril contado às crianças… e aos outros” (com históricas ilustrações de João Abel Manta), de José Jorge Letria [Terramar, 1999] 
“Viagem à flor de um mês”, de José Jorge Letria [Campo das Letras, 2002] 
“Zeca Afonso e a malta das cantigas”, de José Jorge Letria [Terramar, 2002] 
“Salgueiro Maia – O homem do tanque da liberdade”, de José Jorge Letria [Terramar, 2004] 
“Letras & Letrias”, de José Jorge Letria [Dom Quixote, 2005] 
“25 de abril – Quase como um conto de fadas”, de Conceição Lopes e Carlos Barradas [Associação dos Municípios do Distrito de Setúbal, 1984] 
“O rapaz da bicicleta azul”, de Álvaro Magalhães [Campo das Letras, 2004] 
“L.A. e cª no meio da revolução”, de Maria Mata [Civilização, 1996] 
“Catarina de todos nós”, de Sidónio Muralha [Editorial Caminho, 1979] 
“O tesouro”, de Manuel António Pina [April / Associação 25 de Abril, 1993] 
“Bichos de abril”, de Carlos Pinhão [Editorial Caminho, 1977] 
“Vassourinha”, de António Torrado [Campo das Letras, 2001] 
“Fábula dos feijões cinzentos”, de José Vaz [Campo das Letras, 2000] 
“A revolução das letras – O 25 de abril explicado às crianças”, de Alberto Vieira [Campo das Letras, 2004] 
“Vinte cinco a sete vozes”, de Alice Vieira [Caminho, 1999]

Sem comentários:

Enviar um comentário